segunda-feira, 4 de junho de 2012

Rivalidade esquenta as quartas de final da Copa TV Integração

São João Nepomuceno fica só no empate com o XV de Novembro. Com o placar em 1x1, disputa pela vaga na semifinal está em aberto.

por Fernando Júnior – Atualizado em 04/06/12
fernandolelisjr@gmail.com


Um confronto que não acontecia há anos na região da Zona da Mata abriu as quartas de final da Copa TV Integração. São João x XV de Novembro, representante da cidade de Rio Novo na competição, iniciaram a disputa pela vaga na semifinal. Em jogo tenso e com apenas dois gols, um para cada lado, ninguém tem vantagem na partida decisiva.

Logo no início do jogo o torcedor sentiu que o duelo seria um teste para cardíacos. Nos primeiros cinco minutos as equipes já tiveram chances de gol, mas quem chegou mais perto de marcar foi São João Nepomuceno. Após cobrança de escanteio de Michael Robô, o zagueiro Júnior subiu mais alto que os adversários e de cabeça mandou a bola na trave. Na sequência foi à vez o XV – depois de um bate rebate na grande área, Darlysson, com a perna esquerda, tirou do goleiro Manga, que só acompanhou a bola sair carinhosamente à esquerda do gol, dando um susto no torcedor que lotou as dependências do Estádio Heleno de Freitas.

Depois do susto veio um alívio, mas que se transformou em desespero. Aos 30 minutos do primeiro tempo, Juninho P.C foi derrubado dentro da área pelo lateral Lívio, que já tinha um cartão amarelo, recebeu o segundo e consequentemente, o vermelho. Com um a menos e a bola na marca do pênalti, o torcedor não se conteve de tanta alegria, porém, o sentimento não durou muito, bastou Marcos Vinicius cobrar e o goleiro Mário Júnior defender, tirando o sorriso do rosto da torcida de São João e acionando a tradicional charanga rionovense, incentivando a sua equipe.

No primeiro tempo, rivalidade foi sinônimo de equilíbrio e emoção. Já na etapa complementar, com menos um em campo, o XV de Novembro recuou na partida e o equilíbrio deixou de existir, porém, mesmo defendendo e deixando um pouco de lado o ataque, o camisa 10, Rafael, aproveitou a pane na defesa de São João e de surpresa apareceu livre na cara do gol. Com tranquilidade e categoria, o meia abriu o placar. Logo após o gol, quem entrou em campo foi o famoso ‘cai,cai’. Mais jogo parado do que bola rolando.

O técnico Marco Aurélio Ayupe (SJN) substituiu algumas peças e com persistência o resultado veio. Com a entrada de Matheus, Odair e Cristhian, o time conseguiu buscar o empate com tranquilidade e pressionando o adversário. A equipe sãojoanense aumentou ainda mais o ritmo de jogo e teve quase 100% de posse de bola, o que resultou em gol. Aos 30 minutos da etapa complementar, o atacante Raniel aproveitou o cruzamento da esquerda do veloz Michel, empurrando para o fundo da rede, levando o torcedor à loucura e igualando o marcador. No momento do gol, um susto. Não deu nem para o atacante comemorar devido uma pancada no supercílio. Foi necessário o atendimento médico e mesmo com dor, Raniel seguiu na partida.

Os 15 minutos finais foram de pura emoção, mas sem gol. O empate permaneceu até o término do primeiro jogo das quartas de final, deixando em aberto a disputa pela vaga na semifinal da competição. A próxima partida acontece na cidade de Rio Novo, domingo, dia 10, às 15h00. Um empate sem ou com gol, leva a disputa para os pênaltis. A Rádio Difusora transmite o jogão de bola.

Ainda hoje no Blog  mais fotos .
Por Fernando Júnior
fernandolelisjr@gmail.com

Nenhum comentário: