quinta-feira, 28 de junho de 2012

MORREU O NARRADOR ESPORTIVO E COLUNISTA VINÍCIUS COELHO


Foto: Paranaonline 
Vítima de atropelamento na Linha Verde faleceu esta tarde na cidade de Curitiba o jornalista Vinícius Coelho um dos mais consagrados homens da imprensa paranaense que atuou por bom período no Jornal O Globo do Rio de Janeiro. Vinícius Coelho, 80 estava caminhando pela Linha Verde quando foi atingido por um automóvel gol, segundo os transeuntes em alta velocidade.

Rádio, TV e Jornal

Vinícius Coelho além de colunista esportivo foi narrador e comentarista na Televisão do Paraná, comentarista em várias emissoras de rádio de Curitiba, editor esportivo da Gazeta do Povo. Cobriu nove Copas do Mundo, esteve em Olimpíadas e quando trabalhava no Jornal o Globo no Rio de Janeiro deu em primeira mão a escolha de Zagallo para dirigir a seleção de 70. Escreveu vários livros e pretendia voltar a escrever para os jornais. Vinícius Coelho comandou nos anos 60 a Resenha FACIT um dos programas esportivos de maior audiência da TV Paraná, Canal 6 de Curitiba ao lado de Willy Gonzer e outros grandes nomes da crônica esportiva. Foi  presidente da ABRACE (Associação Brasileira de Cronistas Esportivos) de 1986 a 1987. Também trabalhou no clube do seu coração o Coritiba FC.

Drama

"Vermelho" como era apelidado pelos colegas sofreu uma grande tragédia na sua família em 2007 quando seu filho Bruno Strobel Coelho foi torturado e depois assassinado por integrantes de uma empresa de segurança. Ele havia sido flagrado pichando o muro de um hospital de Curitiba. O assunto repercutiu nacionalmente e o processo que ainda corre na Justiça do Paraná, já tem três elementos dos sete indiciados condenados. O velório de Vinícius Coelho será realizado no Estádio Couto Pereira e o sepultamento ocorrerá nesta quinta-feira em Curitiba.
 

Nenhum comentário: