segunda-feira, 31 de março de 2008

30/03/2008
Clubes demais, emoção de menosA penúltima rodada da Taça Rio apresentou, enfim, alguns resultados inesperados. Sábado o Flamengo (praticamente completo) empatou com o Madureira (com time misto) em 0x0. Domingo o Vasco (com apenas dois desfalques) perdeu para o Volta Redonda por 2x1, de virada, em São Januário.Mas nem isso conseguiu dar mais emoção a esse insosso campeonato estadual. Os quatro grandes vão para a decisão da Taça Rio em semifinais e final, tal qual aconteceu na Taça GB.A culpa é uma só: o excesso de clubes na primeira divisão. Com 16 clubes e sem jogar no interior, um tropeço nada representa para os grandes, que têm tempo e possibilidade de recuperação. O campeonato passado foi mais emocionante e com mais desportividade.
Escrito por Eraldo em 30/03/2008
» Escreva um comentário:
getComments(502563);
1
26/03/2008
Equívocos de um técnicoNa vitória da seleção brasileira por 1x0 sobre a Suécia ficou provado o que todo mundo já sabia: o amistoso só valia para ver os olímpicos em ação. Mas, com medo de perder (o jogo e prestígio) Dunga bateu pé e escalou a seleção das eliminatórias. E o que é pior: desfalcada de Kaká, Ronaldinho Gaúcho e Juan, os três melhores jogadores brasileiros.Enquanto esse time esteve em campo, com (Gilberto Silva, Daniel Alves, Josué, Richarlyson, Luís Fabiano e outras nulidades) quem mereceu vencer foi a Suécia. No segundo tempo, com Anderson, Pato, Thiago Neves, Rafinha, Marcelo e o maestro Diego no meio-campo, pudemos ver a base de uma seleção que tem um objetivo nobre: trazer para o Brasil a medalha de ouro olímpica. Objetivo do qual Dunga não compartilha.

Nenhum comentário: